Coluna Bernadete Alves - dia 05/08/2018

Dia Nacional da Saúde alerta para a importância do “eu”

Saúde é uma questão de atitude. É mais que ausência de doenças é a presença da autêntica qualidade de vida. Para que isso aconteça necessita de cuidados diários como alimentação equilibrada, hábitos de vida mais saudáveis e uma boa noite de sono.

A saúde depende mais das precauções com a alimentação e hábitos saudáveis de vida do que dos médicos. Portanto está na hora de pararmos de inventar desculpas para nós mesmos e fazer algo para melhorar nossos hábitos de vida para viver mais e melhor. A prevenção é sempre o melhor remédio em qualquer fase da vida. Cuidar da saúde desde cedo fará com que a gente atinja a longevidade com mais serenidade.

Manter um bom consumo diário de frutas, verduras, carboidratos integrais, proteínas e gorduras boas ajudam a evitar doenças como infarto do miocárdio, acidente vascular encefálico (AVE), câncer, hipertensão, diabetes e alterações do colesterol. Tomar bastante água e praticar exercícios físicos regularmente.

Os benefícios do exercício físico regular são inúmeros, os mesmos auxiliam na perda de peso, ganho de massa muscular, ajuda na prevenção da osteoporose, liberam endorfinas, que são responsáveis por diminuir a ansiedade, estresse e melhoria do humor, ajuda a manter uma melhor noite de sono e previnem doenças. Além de cuidar do físico é bom exercitar a memória com leitura e jogos de raciocínio.

Nós sabemos que o acúmulo de pequenos problemas, repetidos diariamente, podem provocar consequências negativas à saúde. Por isso a importância de dormir bem e pelo menos de 6 a 8 horas por dia.O sono vai além do papel revigorante, ele tem diversas outras funções essenciais para o bom funcionamento do nosso organismo. Uma boa noite de sono garante melhor desempenho e equilíbrio do organismo.

Terapeutas garantem que tirar um tempo para nós mesmos é um grande investimento para a saúde como um todo. Manter o foco na saúde e no bem estar apesar da árdua rotina de vida é um grande desafio. Mas o que é um desafio diante de tantos benefícios que este tempo vai proporcionar para o nosso “eu”?

O Dia Nacional da Saúde foi oficializado e inserido no calendário oficial brasileiro através do Decreto de Lei nº 5.352, de 8 de novembro 1967, do Ministério da Saúde e da Educação e Cultura. O dia 5 de agosto foi escolhido para celebrar o Dia Nacional da Saúde por ser a data de nascimento do sanitarista Oswaldo da Cruz, um importante personagem na história do combate e erradicação das epidemias da peste, febre amarela e varíola no Brasil, no final do século XIX e começo do século XX. Oswaldo da Cruz nasceu em 5 de agosto de 1872 e foi responsável pela criação do Instituto Soroterápico Federal (atualmente conhecido como Fundação Oswaldo Cruz - FIOCRUZ) e da fundação da Academia Brasileira de Ciências.

A data tem o objetivo de conscientizar a sociedade brasileira sobre a importância da educação sanitária, despertando na população o valor da saúde e dos cuidados para com ela.

Barrichello vence a Corrida do Milhão em Goiânia

A capital de Goiás foi palco neste domingo da décima edição da Corrida do Milhão. O ex-piloto de Fórmula 1, Rubens Barrichello, com tática perfeita “voa” no final, toma o lugar de Max Wilson e ganha a Corrida do Milhão. Este foi um pódio espetacular, apoteótico uma vez que a disputa pelos 2.696 metros do anel externo do circuito da capital de Goiás,foi em altíssima velocidade.Os carros corriam em média 204 km/h.

O maior prêmio do automobilismo brasileiro foi disputado por 32 pilotos dentro do campeonato da Stock Car que além de R$ 1 milhão, dá um anel de ouro 18 quilates com 117 pedras preciosas cravejadas para o piloto vencedor. Rubinho conquista a sua segunda vitória na Corrida do Milhão. A primeira foi em 2014 quando o piloto da Full Time comemorou com o filho Dudu. Hoje foi a vez do filho caçula Fefo subir no teto do carro para comemorar junto com o pai.

Barrichello aproveitou-se de toda sua experiência, de um carro muito bem acertado e de uma estratégia diferente em relação aos ponteiros do grid para subir no degrau mais alto do pódio – além, claro, do Fan Push votado pelo público. Em sua última parada de box, a três voltas do final, conseguiu sair à frente do então líder Max Wilson, da Eurofarma-RC. O português Antonio Félix da Costa, que correu como convidado da Hero Motorsport, fechou o pódio em terceiro lugar. O ex-piloto de Fórmula 1, Felipe Massa, uma das atrações da prova, voltou a sofrer, teve um pneu furado ao escapar da pista já na reta final da prova e terminou em 22º lugar.

 
RocketTheme Joomla Templates