Coluna Bernadete Alves - dia 18/01/2018

Ilda Peliz assume a Secretaria de Trabalho

Joana Mello, Márcia Rollemberg, Rodrigo Rollemberg e Ilda Peliz

O Salão Branco do Palácio do Buriti ficou pequeno para a solenidade de posse da cidadã honorária de Brasília, Ilda Peliz, para a secretaria do Trabalho, Desenvolvimento Social, Mulheres, Igualdade Racial e Direitos Humanos. A nomeação da ex-presidente da Abrace foi publicada no Diário Oficial do Distrito Federal no dia 10. O governador Rodrigo Rollemberg, acompanhado da primeira-dama Márcia Rollemberg, colaboradora do governo, assinou o termo de posse e foi muito aplaudido pela escolha da nova titular da pasta.

Ilda Peliz é muito querida e respeitada em Brasília pela dedicação de 22 anos como presidente voluntária da Associação Brasileira de Assistência às Famílias de Crianças Portadoras de Câncer e Hemopatias (Abrace). Graças ao seu empenho e liderança junto à sociedade conseguiu levantar R$ 30 milhões em doações para construção e aparelhamento do Hospital da Criança de Brasília José Alencar.

Em 2006, Ilda recebeu o título oficial de Grão-Mestre da Ordem de Rio Branco, concedido pela Presidência da República. Em 2013, a Organização Mundial da Família (World Family Organization) premiou-a pelo trabalho em defesa das crianças e das famílias. Em 2016, ela foi homenageada com o Grande Colar do Mérito pelo Tribunal de Contas da União (TCU). Ela atua como conselheira no Conselho da Criança e do Adolescente e também no Conselho Econômico e Social do Distrito Federal.

A nova secretária é bacharel em comunicação social e possui cursos de especialização, como MBA em marketing de serviços pela UFRJ, pós-graduação em políticas públicas e gestão de ONGs e, ainda, gestão hospitalar. Mineira de Patrocínio é aposentada do Banco do Brasil. Ilda é um exemplo de gestora competente e comprometida com a garantia dos direitos humanos e sociais. Uma defensora da luta em prol de crianças e adolescentes com câncer.

Ilda Peliz é filiada ao PSDB e chega ao primeiro escalão do Buriti sob as bênçãos do ex-presidente do PSDB, Márcio Machado, e da ex-governadora Maria de Lourdes Abadia, que atualmente responde pela Secretaria de Projetos Estratégicos. “Eu só aceitei o convite pelo meu compromisso com Brasília. Não sou militante. Não tenho noção das coisa de política. A minha missão social está acima de qualquer coisa. Venho para contribuir de forma técnica com o governo Rollemberg”, declarou.

A nova titular da Sedestmidh afirmou que “não tem pretensão eleitoreira”. “Não vou me candidatar. Só aceitei o convite por gratidão ao governador pela construção do bloco 2 do Hospital da Criança e por ser um cargo que envolve a área social”, afirmou. A obra no hospital começou em 2013 e está prevista para ser inaugurada em abril deste ano.

Ilda Peliz disse que é movida a desafios e lembrou do trabalho exaustivo mas gratificante realizado por mais de duas décadas na Abrace. Disse que direitos sociais são anseio da sociedade e reforçou a atenção pessoal e da pasta às demandas da sociedade. “A depender da minha força de trabalho, espero dar as respostas mais justas às mudanças necessárias. Fácil não será, mas não nos falta coragem, vontade, entusiasmo e compromisso.” Foi aplaudida de pé.

O governador Rodrigo Rollemberg agradeceu o trabalho que Ilda fez pelas crianças e adolescentes e suas famílias. “Demonstração de que quando nos unimos todos os desafios são ultrapassados e o interesse da cidade se torna um objetivo maior”, disse. O governador elogiou o perfil técnico da ex-presidente da Abrace “A Ilda tem uma experiência muito grande, é extremamente agregadora, de reunir todo apoio da sociedade civil”. Rollemberg disse que Ilda ajudará a ampliar e fortalecer a rede de proteção social. “Vamos criar alternativas e condições para que essas pessoas necessitadas possam, através da capacitação, ter novos horizontes em sua vida, especialmente por meio de seu trabalho”, declarou sob aplausos.

O governador Rollemberg também empossou Joana Mello como secretária adjunta de Políticas para as Mulheres, Igualdade Racial e Direitos Humanos. Joana Mello é membro da Advocacia-Geral da União e foi coordenadora de Serviços Públicos da Procuradoria Regional da União da Primeira Região.No governo de Brasília, foi subsecretária de Políticas para Justiça e Cidadania; subsecretária interina de Prevenção ao Uso de Drogas; e presidente do Conselho de Políticas sobre Drogas.Na Secretaria da Segurança Pública e da Paz Social, foi subsecretária de Segurança Cidadã.

O governador Rollemberg também empossou Joana Mello como secretária adjunta de Políticas para as Mulheres, Igualdade Racial e Direitos Humanos. Joana Mello é membro da Advocacia-Geral da União e foi coordenadora de Serviços Públicos da Procuradoria Regional da União da Primeira Região.No governo de Brasília, foi subsecretária de Políticas para Justiça e Cidadania; subsecretária interina de Prevenção ao Uso de Drogas; e presidente do Conselho de Políticas sobre Drogas.Na Secretaria da Segurança Pública e da Paz Social, foi subsecretária de Segurança Cidadã.

Gilbert Di Angellis, Ilda Peliz, Bernadete Alves

“A gente sabe que assumir um cargo de gestão pública não é fácil, mas tenho certeza de que tanto Ilda quanto Joanna chegam em um momento muito melhor, depois de um esforço grande de arrumação da casa”, disse o governador de Brasília, Rodrigo Rollemberg, na cerimônia de hoje. O governador também aproveitou para lembrar das principais ações realizadas pelo seu governo nestes três anos.

A secretária adjunta de Políticas para as Mulheres, Igualdade Racial e Direitos Humanos, Joana Mello, parabenizou Ilda Peliz por ter feito a diferença na vida dos pacientes da Abrace e disse que na Sedestmidh não será diferente. Agradeceu ao governador pela desafiadora missão e aos servidores leais comprometidos com o bem público. Disse que é movida a desafios e que vai dar o seu melhor na defesa das pessoas idosas e a todas as vítimas de violência e intolerância.

Ilda Peliz, Márcia Rollemberg e Joana MelloMaria de Lourdes Abadia e Gilbert Di Angellis

Joana elogiou o trabalho dos conselhos comunitários, lembrou os momentos das funções exercidas no governo de Brasília e abordou os novos desafios diante da secretaria adjunta. “Trago minha contribuição em razão da experiência de mais de 35 anos no serviço público federal, sendo grande parte desse período na condição de membro da Advocacia-Geral da União.”

Depois da solenidade o governador e as novas integrantes do governo conversaram com a imprensa. Rollemberg falou da alegria de fechar o Lixão da Estrutural, que ocorrerá nesta semana com a inclusão de catadores de material reciclável; a universalização da educação infantil; a entrega da orla livre para a população e as intervenções do governo para garantir segurança hídrica para a capital federal pelos próximos 30 anos. A fila de cumprimentos foi longa e prestigiada.Uma festa para fotógrafos e cinegrafistas.

 
RocketTheme Joomla Templates