Coluna Bernadete Alves - dia 11/10/2017

Brasil e Argentina goleiam em shows de craques

A última rodada das eliminatórias da Copa do Mundo Rússia 2018, na noite de ontem, foi emocionante até os últimos minutos. Messi garante a Argentina e a seleção dos EUA foi eliminada após derrota por 2 a 1 para Trinidad e Tobago. O Panamá, com uma vitória de 2 a 1 sobre a Costa Rica, classificou-se para a Copa do Mundo pela primeira vez. Além de classificar e desclassificar os países para o mundial, definiu-se os cabeças de chave. São eles: Rússia, país-sede, Alemanha, a atual campeã da Copa do Mundo, Brasil, Portugal, Argentina, Bélgica, Polônia e França.

O Brasil participará da Copa do Mundo pela 21ª vez. Foi campeão em 1958, 1962, 1970, 1994 e 2002. Na Copa de 2014, como país sede ficou com a quarta colocação. Para 2018 as expectativas são outras devido a liderança de Tite e a classificação antecipada. Entrou em campo com seu passaporte já carimbado para a Copa do Mundo e enfrentou o Chile, em São Paulo, com uma verdadeira constelação. Sem falar dos R$15.118.391,02, a maior arrecadação da história.Os 41.009 presentes pagaram um ticket médio de R$ 368 para assistir a disputa entre Brasil e Chile, seleção bicampeã da Copa América.

O atacante Gabriel Jesus, de volta à arena do Palmeiras, onde surgiu para o futebol mundial, marcou duas vezes na vitória do Brasil sobre o Chile por 3 a 0, foi ovacionado pela torcida e ainda se tornou o artilheiro da equipe nas eliminatórias, com sete gols. Antes mesmo de a bola rolar no campo Gabriel Jesus foi o mais aplaudido quando teve o nome anunciado no telão do estádio. Neymar, acostumado a ser o centro das atenções por onde a Seleção passa,viu que a noite era do camisa 9.

Paulinho foi quem abriu o placar aos 9 do segundo tempo a torcida se empolgou e o Brasil cresceu, a torcida se empolgou e Neymar com sua habilidade ficou cara a cara com o goleiro do Chile mas preferiu passar para Gabriel Jesus marcar. "Glória, glória, aleluia, é Gabriel Jesus", entoou a arena do Palmeiras, que não testemunhava um gol do atacante desde o empate entre Palmeira e Flamengo, em 14 de setembro de 2016.

No último minuto, o goleiro chileno foi para a área brasileira tentar marcar em cobrança de escanteio. O Brasil recuperou a bola, Willian lançou e Gabriel Jesus fez o seu segundo. Mais uma bola na rede, mais uma "ligação" para Dona Vanda, sua mãe.“Esse jogo representa muita felicidade. Não só do lado pessoal, mas pelo Brasil, pelo time. Por toda campanha que fez, por tudo que passou”, disse Gabriel Jesus.

O volante Paulinho, craque do Barcelona, que abriu o placar diante do Chile, termina as Eliminatórias da Copa do Mundo com seis gols, mesmo número de Neymar e apenas um do artilheiro Gabriel Jesus. “O que a gente mais fala dentro da Seleção é fazer bons jogos. E todos vêm se destacando. Tive mais uma vez a felicidade de colaborar com um gol, mas o mais importante é a forma que a gente vem jogando e conseguindo bons resultados”, declarou Paulinho. A parceria entre Paulinho e Tite começou no Corinthians, onde juntos conquistaram grandes títulos como Campeonato Brasileiro, Copa Libertadores e Mundial de Clubes.

A Argentina precisava ganhar e o craque Messi teve uma atuação de gala e com maestria marcou três gols contra o Equador e foi o dono do jogo em Quito. Argentina assim garante sua classificação para a Copa do Mundo 2018 e se junta a Rússia, Brasil, Alemanha, Polônia, Portugal e Bélgica. Seguindo o critério de posições no ranking da Fifa, a Argentina assegurou a condição ao carimbar o passaporte com a vitória sobre o Equador por 3 a 1, em Quito. O empate do Peru com a Colômbia por 1 a 1, em Lima, e a derrota do Chile por 3 a 0 para o Brasil beneficiaram a França, classificada mais cedo ao superar Belarus por 2 a 1. Além da Argentina garantiram suas classificações, Uruguai e Colômbia, como segundo e quarto colocados da América do Sul, respectivamente, e o Panamá pela Concacaf. A vitória do Brasil por 3 a 0 desclassificou a seleção chilena que não vai disputar a Copa do Mundo de 2018.

Na rodada decisiva das eliminatórias europeias, outras duas seleções garantiram a condição nesta terça-feira. Terceiro colocado atualmente no ranking, Portugal derrotou a Suíça por 2 a 0 em confronto direto pela vaga na Copa e assegurou o posto. Mesmo sendo a primeira a carimbar o passaporte no continente, a Bélgica só se consolidou como cabeça de chave por causa da goleada sobre o Chipre por 4 a 0.

Das 32 vagas na Copa do Mundo, 23 foram preenchidas até agora. Os países classificados de cada Continente são: África - Egito e Nigéria; América Central e do Norte – Costa Rica, México e Panamá; América do Sul – Brasil, Argentina, Colômbia e Uruguai; Ásia – Arábia Saudita, Coreia do Sul, Irã e Japão; Europa – Alemanha,Belgica, Espanha, França, Inglaterra, Islândia, Polônia, Portugal, Rússia e Sérvia.

As nove vagas restantes se dividem entre três das cinco em jogo na África e as seis das repescagens. No início desta terça-feira, a Austrália ganhou da Síria na prorrogação e virou a representante da Ásia no confronto com o quinto colocado da Concacaf, posição assegurada por Honduras à noite. Na Europa, Suíça, Grécia e Suécia se juntaram a Itália, Dinamarca, Croácia, Irlanda e Irlanda do Norte e se enfrentam em quatro duelos mata-mata. A que resta será disputada entre peruanos, como quinto da América do Sul, e Nova Zelândia, vencedora da Oceania. Os duelos ocorrem nas duas primeiras semanas de novembro e o sorteio dos grupos está marcado para o dia 1º de dezembro, em Moscou.

 
RocketTheme Joomla Templates