Coluna da Bernadete Alves - dia 10/09/2011

O prestígio de Taty 

A empresária Tatyane Araújo, proprietária do Taty´s Buffet, festejou seu aniversário na ASBAC no dia 06/09, às 21 horas, com um jantar ao estilo Anos 60 com muita dança e descontração.  Taty conquista e sabe conservar os amigos. A festa foi até o sol nascer.  

 
Na foto da esquerda: A aniversariante Taty recebendo o carinho do marido Mário Gomes. 
Na foto da direita: Ney, Meire Campos, Gilbert Di Angellis, Bernadete Alves e o cantor Mattos.
 
  
Na foto da esquerda: Taty com seus cunhados Luiz e Carla Gomes e seu sogro Oscar Gonçalves.
Na foto do centro: Os anfitriões com Talita e Rodrigo.
Na foto da direita: Val, Júlio, Taty e Júlio Castilho.
 
  
Na foto da esquerda: Carlos Wilson, Mirian, Taty, Cléria Abreu e Fernando
Na foto do centro: Taty com Bárbara Abreu
Na foto da direita: Os empresários Márcia e Ozaias com a aniversariante.
 
   
Na foto da esquerda: Geraldo, Sebastiana, Maria, Taty, Ricardo e Alfredo.
Na foto do centro: Dayse, Eliene, Taty, Jaqueline e Alessandra.
Na foto da direita: David, Geny, Taty, Geovani e Daiane. 
 
   
Na foto da esquerda: Reinaldo, Gilvania, Taty e Eduardo.
Na foto do centro: Roberto, Rilmara, a aniversariante, Gabriela e Taísa.
Na foto da direita: Os anfitriões com Sebastiana e Geraldo. 

 

Decisão acertada

A juíza Gislaine Reis, da 4ª Vara de Fazenda Pública, condenou seis empresas a devolver dinheiro aos cofres públicos devido a desvios detectados em contratos de licitação. São elas: Linknet, que terá de devolver R$ 79 milhões, Linkdata, R$50 milhões, Prodata, R$38 milhões, Conecta, R$36 milhões, Poliedro, R$ 35 milhões e Brasil Telecom, R$ 2,8 milhões. 

Diante da condenação destas 6 empresas, o secretário de transparência, Carlos Higino, disse que elas serão auditadas. Esperamos que sejam impedidas de firmar novos contratos com o governo do Distrito Federal. A Linknet já está fora. Ainda bem, pois depois de tudo que foi descoberto, permitir que participem de novas licitações é alimentar as ilicitudes e continuar lesando o povo de Brasília.

 

Estado de alerta 

Se não bastasse a alta temperatura que chegou a 31,5 graus Celsius e a baixa umidade de 13%, ainda temos que suportar as queimadas. Inclusive ontem bateu record. O dedicado e competente Corpo de Bombeiros atendeu 160 focos de grande proporção. O número de incêndios já supera os ocorridos no mesmo período do ano passado.  O aeroporto teve de operar por instrumentos. Tal situação de emergência fez com que fosse suspenso o 1º Campeonato Nacional de Balonismo. As crianças e os idosos estão precisando de mais cuidados devido a fumaça e a névoa seca. O grave é que ainda há focos de incêndio por toda cidade. Os brasilienses estão sofrendo com os extremos do clima. Frio à noite e calor com baixa umidade do ar durante o dia. Faço um apelo aos fumantes: não joguem pontas de cigarro neste bem que é de todos nós. Atento ao problema das queimadas, o GDF colocou em ação o avião Air Tractor, o mais moderno do mundo em combate a incêndios. Lamentavelmente, mais de 10 mil hectares já foram destruídos.

 

Cresce o número de vítimas de estupro

De acordo com a Secretaria de Segurança do DF e da Delegacia da Mulher, é cada vez maior a incidência deste crime. Pode acontecer em qualquer horário e com qualquer pessoa. Por isso todo cuidado é pouco. É preciso evitar lugares ermos e andar sozinha. Inclusive a delegada Viviane Bonato, chefe da Deam, tem um trabalho espetacular de orientação. É a “Rede Mulher Cidade”. Mas a Deam tem, também, acompanhamento psicológico para toda mulher que já foi ou é vítima de abusos ou maus-tratos. Este número de ocorrências é alarmante. Porém pode ser ainda maior, uma vez que muitas vítimas, por vergonha, medo e constrangimento, não denunciam o criminoso. Há também estupros de homem contra homem. Quando a vítima não denuncia, o homem fica sem voz.  Por isso é preciso denunciar para que as autoridades competentes cheguem até esses monstros. Ter consciência do problema já é um passo importante. O estupro é uma violência à integridade física e também emocional. Mesmo abalada a vítima tem que superar a dor do corpo e as marcas da alma e denunciar. Precisa também fazer exames para verificar se não contraiu Sífilis, Aids, gonorréia, hepatite B e até gravidez. Cuide-se: dê um basta a esta violência. A vida precisa continuar.

 

 

 
RocketTheme Joomla Templates