Conheça a nova revelação da música nacional
Escrito por Gilbert Di Angellis   

Entrevista com a BANDA "ONZE: 20"

 

A banda surgiu em Juiz de Fora e migrou para São Paulo em busca da concretização do seu trabalho. Formada por cinco talentosos músicos, “Onze: 20” ganhou rapidamente o carinho e respeito dos fãs com suas canções divulgadas no youtube. Seus dois vídeos mais populares somam mais de 10 milhões de visualizações no site. A qualidade do som, a profundidade das composições e a mistura de ritmos são alguns dos destaques da banda. O repórter Gilbert Di Angellis conversou com eles via e-mail e traz para vocês a íntegra desta entrevista.

 

 

A banda fez um grande sucesso com dois vídeos muito acessados no Youtube. São os clipes das músicas “Não vai voltar” e “Meu lugar”, com um somatório de mais de 10 milhões de visualizações. Antes de mais nada, fale um pouco sobre a banda Onze:20. Como ela surgiu? Quem são os integrantes?

A banda surgiu da cena musical de Juiz de Fora. A gente se conhecia por cada um tocar com suas bandas em eventos que a gente mesmo organizava. A gente sentiu uma afinidade um com o outro mesmo sem tocar juntos. Quando esses projetos foram acabando, decidimos nos juntar e fazer um som. A química foi acontecendo e daí surgiu a essência "Onze:20". Hoje a banda é formada por Vitin (vocal), Fábio (bateria), Marlos Vinicius (baixo), Chris (guitarra) e Athos (teclado).

 

Voltando aos clipes mencionados, como foi a produção destes trabalhos? Vocês esperavam tamanha repercussão?

Esses dois clipes, tanto o de Meu Lugar quanto o de Não Vai Voltar, foram feitos totalmente pela gente. Tivemos a ideia e resolvemos fazer, a gente quis mostrar o Brasil e também o nosso estilo de vida no qual o nosso público acaba se identificando muito. Por isso acho que esses clipes tiveram muita repercussão, cada pessoa que via mostrava pra outra e, graças a Deus, conseguimos atingir o nosso objetivo que é levar a nossa mensagem até a casa das pessoas. 

 

O som de você tem influências do rock e do reggae. Em quem vocês se inspiram ao montar suas próprias canções?

A gente costuma dizer que o Onze:20 é uma mistura. Cada um curte ouvir uma coisa mas também temos gostos em comum e isso acaba ajudando na formação das músicas. Com certeza Foo Fighters, Sublime, Bob Marley, Seu Jorge, Skank, Jota Quest e The Green são uma das nossas maiores influências mas nosso gosto musical passa por várias vertentes, de Thiaguinho até Bon Jovi rsrsrs.

 

Dentre tantas bandas boas, vocês começam a ganhar o próprio espaço. Em que vocês apostam para conquistar o público e a crítica? Qual é o diferencial da banda?

A gente não acha que existe um diferencial de fato. Fazemos as músicas com o coração e com a nossa verdade, com isso é o suficiente para conquistar um lugar no coração das pessoas. Essa é a nossa aposta para continuar nosso caminho e conquistar, cada vez mais, o nosso lugar ao sol. 

 

Sem ter ajuda o caminho é sempre mais complicado. Quais são as maiores dificuldades que a banda tem para produzir seus trabalhos? Quem são os apoiadores da Onze: 20?

No começo da banda passamos por vários obstáculos, saímos de Juiz de Fora para morar em São Paulo todos juntos e viver na cidade grande de uma forma totalmente independente. A falta de grana, o desmerecimento das pessoas com "mais uma banda de fora" foram as maiores dificuldades (e que a gente agradece por ter passado porque aprendemos muito nesse período) mas recentemente conseguimos uma parceria que vem funcionando bem e proporcionando uma melhor condição de trabalho pra gente, além de claro toda a galera que acompanha a gente! Nosso TIME nos da todo o suporte e carinho pra continuar nessa caminhada! Amamos e somos gratos a cada um deles.

 

 

Texto e perguntas: Gilbert Di Angellis. Entrevistado: Banda Onze 20. Data: 10/04/2014  

 
RocketTheme Joomla Templates