Coluna da Bernadete Alves - dia 06/08/2011

A exuberância do pôr-do-Sol em Brasília 

Depois de um dia intenso nada melhor que curtir o pôr do sol no Pontão do Lago Sul.

 

Depois de Tropa de Elite: Vip's

Após excelente trabalho em um filme que marcou época no cinema brasileiro, Wagner Moura interpreta Marcelo Nascimento da Rocha. Inspirado no livro "Vips - Histórias Reais de um Mentiroso", de Mariana Caltabiano, o filme aborda a vida de um famoso vigarista que se passou por empresário, aviador, líder de facção criminosa enganando autoridades, celebridades, jornalistas e outros. Seu maior feito foi se passar pelo filho do presidente da companhia aérea Gol num carnaval fora de época de Recife, em 2001, inclusive dando entrevista para Amaury Jr.

Grande vencedor do Festival do Rio, onde conquistou quatro prêmios, "Vips", trabalho de estreia em longa-metragem do diretor publicitário Toniko Melo teve um orçamento de R$8 milhões.

Veja o trailer:

 

Um GDF diferente

O governador Agnelo Queiróz, em entrevista para o repórter Gilbert Di Angelis do Brasília na TV demonstrou seu empenho em elevar a auto-estima do brasiliense e proporcionar saúde de qualidade, segurança e mais emprego. E já dá para ver as melhorias acontecendo. 

 

O que esperar da Copa do Mundo de 2014? 

Com relação a infraestrutura, muitas são as dúvidas; e poucas as respostas. São Paulo, por exemplo, é um dos estados mais atrasados do país na preparação para o Mundial. O que há de certo é que o estado está de fora da Copa das Confederações, em 2013. O maior estádio da região, o Morumbi, já foi descartado pela FIFA. A esperança está lançada sobre o Fielzão, projeto de nova casa do Corinthians. O projeto que sequer saiu do papel deverá contar com verba pública. Nessa questão dos estádios, alguns estados saem na frente. Ceará, com o Castelão, Rio de Janeiro, com o Maracan,ã e o DF, com o Estádio Nacional de Brasília, são os mais adiantados do país. Os últimos dois, são os principais candidatos para sediar a abertura da Copa do Mundo. É importante frisar que a reforma ou construção dos estádios é só uma das metas governamentais. Melhorar a rede hoteleira, a segurança pública e o transporte são verdadeiros desafios para o Brasil. 

Dentro de campo a animação e a confiança dos brasileiros é ainda menor. Principalmente depois do fracasso da seleção canarinho na Copa América, realizada na Argentina. O time do técnico Mano Menezes segue jogando mal e decepcionando os amantes do futebol. Interessante lembrar que a seleção celeste, que conquistou a Copa de 1950 contra o Brasil em pleno Maracanã, terá em 2013 (na Copa das Confederações), 2014 (na Copa do Mundo) e em 2015 (na Copa América) a chance de repetir tal façanha. Mais do que nunca, por favor, "salvem a seleção"!  

 
RocketTheme Joomla Templates