Coluna Bernadete Alves - dia 31/08/2017

Brasal e Grupo CAP lançam Botânico, um novo conceito de moradia

Botânico - ValparaísoBotânico - Valparaíso

A Brasal Incorporações, com mais de 50 anos atuando em Brasília e no Centro-Oeste, com excelência em gestão e padrão de qualidade e serviços personalizados, uniu-se ao Grupo CAP, com experiência no ramo imobiliário desde a década de 60, para lançar um novo conceito de moradia: o Botânico Residencial Horizontal. É o setor imobiliário, mesmo em tempos de crise econômica, inovando para atrair investidores e proporcionar desenvolvimento para a região Centro-Oeste.

Botânico - ValparaísoBotânico - Valparaíso

O Botânico, primeiro residencial horizontal fechado, localizado na Nova Valparaíso, foi apresentado aos jornalistas, especialistas e formadores de opinião, durante almoço no Coco Bambu do Lago Sul, organizado por Natália Andrade, diretora de marketing do Grupo CAP e por Lu Alves, diretora da Infinito Comunicação. Os responsáveis pelo empreendimento, Carlos Paes Leme e Carlos Eduardo Pereira, informaram que o setor imobiliário do Centro-Oeste tem se destacado no mercado como referência em sustentabilidade e projeto arquitetônico.

Botânico - ValparaísoBotânico - Valparaíso

Nós tivemos a oportunidade de conhecer em primeira mão os detalhes do ousado projeto que reúne em um só lugar sustentabilidade, preservação ambiental,engenharia de ponta comparável aos empreendimentos de regiões nobres do Distrito Federal, lazer, projeto urbanístico diferenciado e infraestrutura em modelo americano para maior captação de águas pluviais, maior durabilidade e maior resistência, dentre tantas outras vantagens.

Botânico - ValparaísoBotânico - Valparaíso

O diretor comercial do Grupo CAP, Carlos Paes Leme, disse que estava muito feliz com a parceria da Brasal e de apresentar para a imprensa da capital federal o novo residencial planejado que harmoniza a tranquilidade da natureza com a vida urbana. Um complexo de lazer para toda a família usufruir.

Botânico - Valparaíso

“Organizamos este almoço de apresentação com o intuito de mostrar aos jornalistas o diferencial do Botânico residencial, e conseguimos ir além, mostramos a preocupação e o respeito que a Brasal e o grupo CAP tem pelo cerrado Brasileiro, e que é possível unir em um só lugar urbanização e meio ambiente, com o melhor custo benefício”, afirmou Paes Leme.

Botânico - ValparaísoBotânico - Valparaíso

A ideia dos dois respeitados grupos surgiu porque o loteamento tornou-se uma das principais formas para investir ou realizar o sonho da casa própria. E Valparaíso de Goiás/GO, próximo do Km 8 da BR-040 e perto de Brasília, é apontada como uma das 100 melhores cidades brasileiras para investir em imóveis.

Botânico - Valparaíso

O empreendimento, localizado em meio a uma reserva de mata nativa do Planalto Central, é completo onde todos os detalhes foram pensados para satisfazer as exigências dos moradores. Viver com segurança e qualidade de vida, em harmonia com a natureza, é sonho de consumo das pessoas.

Mais detalhes no sitewww.botanicoresidencial.com.br.

Botânico - Valparaíso

Gracia Cantanhede vai lançar dois novos livros

A escritora e advogada, Gracia Cantanhede, vai apresentar em noite de autógrafos, no Carpe Diem, no próximo dia 04 de setembro, a partir das 19 horas, suas mais recentes obras: o livro de poesias "Bacia das Almas", com uma seleção de 85 poemas, e o romance "Madonna Chegou", para os jovens. Os livros serão comercializados no local e distribuídos, pela Drago Editorial, para as livrarias da cidade.

Além dos dois livros que apresenta agora, Gracia lançou Palavras de Mulher, em1994, Jogo de Persona, em 1997 e Mulheres Apaixonadas, em 2013. Ao longo dos anos, participou de 19 antologias de contos, crônicas e poesias. Suas crônicas foram publicadas no "Caderno Mulher," jornal Correio Braziliense, na década de 90, período em que também ganhou um concurso cultural promovido pela editora Abril com o poema Autorretrato.

Gracia Cantanhede há muitos anos incentiva as manifestações artísticas e culturais da cidade e escrever para ela é sua realização. “Ler, para mim é um prazer inigualável. Todos os dias escrevo, seja uma crônica, um poema ou um conto. Tenho mais de 5 livros para serem editados”, conta a escritora.

Finanças do DF estão à cargo de Wilson de Paula

O auditor-fiscal de carreira, Wilson de Paula, que ocupava a chefia da Secretaria de Fazenda interinamente desde junho, foi efetivado no cargo pelo governador Rodrigo Rollemberg. A justificativa do chefe do Executivo local é que Wilson de Paula é comprometido com a política fiscal e tem prestado bons serviços à cidade.

Wilson de Paula é graduado em história pela Universidade de Brasília, pós-graduado em administração e política tributária pela Fundação Getúlio Vargas e é auditor-fiscal da Receita do DF desde 1995. De Paula também tem especialização em finanças públicas pela Universidade de Bath, na Inglaterra.

Presidiu o Conselho Fiscal da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Distrito Federal, foi subsecretário da Receita, em 2013 e de 2016 até junho de 2017, Wilson de Paula atuou como secretário-adjunto de Fazenda.

 
Coluna Bernadete Alves - dia 30/08/2017

Brasília completa hoje Cem Dias sem Chuva

A última chuva que caiu na capital do país foi entre 21e 22 de maio e acumulou 22,2 milímetros. Inclusive o mês de maio acumulou 64,3 milímetros, de acordo com dados do Inmet. Como os meses de junho, julho e Agosto são os mais secos do ano, Brasília fica com clima equivalente ao deserto. Segundo os pneumologistas não é só a falta de chuva que preocupa. Com o forte calor e a ausência de nebulosidade a umidade do ar tende a ficar baixa e chegar a níveis críticos.

A Defesa Civil decretou oficialmente estado de emergência no Distrito Federal. A medida ocorre depois de dois dias seguidos de umidade inferior a 12%. Ontem o índice registrado em Ponte Alta, no Gama ficou em 9%. Com isso a população deve estar atenta as informações e cuidados necessários como evitar exercícios físicos nas horas mais quentes do dia e procurar redobrar a ingestão de líquidos. As partículas e os gases emitidos pela queima de combustíveis conhecidamente fazem mal à saúde, por interagir com o trato respiratório. A fuligem quando inalada pode chegar até o pulmão e pode gerar problemas respiratórios e cardíacos.

Índices críticos de umidade relativa do ar, abaixo de 12%, têm sido observados por dias consecutivos no Centro-Oeste do Brasil neste final de Agosto.Em Goiânia, a umidade chegou a nível de emergência e registrou 7%, na estação do aeroporto Santa Genoveva.

O recorde histórico de longo período sem chuva ocorreu em 1970 quando Brasília passou 135 dias sem ver uma gota de água. De acordo com os meteorologistas, a tendência é que setembro comece com a influência desta massa de ar seco que inibe a formação de nuvens de chuva.

O tempo seco e quente causa queimadas e evidencia a poluição do ar. A Defesa Civil recomenda evitar atividades físicas ao ar livre entre 10 e 17 horas, período em que o sol forte derruba ainda mais a umidade e chega aos menores índices, usar roupas leves, tomar bastante água, evitar ar condicionado, usar umidificador, ou colocar toalhas molhadas e bacias com água nos quartos durante todo o dia e a noite para manter o ambiente úmido.

Segundo o chefe da Defesa Civil, coronel Sérgio Bezerra, os efeitos à integridade física das pessoas podem ser significativos nesse clima extremo. "Por isso, alertamos a pais e responsáveis de crianças em idade escolar, além de idosos, instituições e todos os trabalhadores que se expõem ao sol, como bombeiros, policiais, vendedores ambulantes, profissionais de varrição, carteiros, dentre outros, para os riscos à saúde em função dos efeitos dessa baixa umidade no DF", declara.

Justiça do DF suspende decreto de Temer que extingue Reserva Nacional

O juiz Rolando Valcir Spanholo, da 21ª Vara Federal, do Distrito Federal, determinou a suspensão imediata de "todo e qualquer ato administrativo" que busque extinguir a Reserva Nacional do Cobre e Associados - Renca. Na semana passada, o governo federal liberou exploração mineral na floresta por meio de decreto.

Na decisão liminar, o magistrado conclui que é inadequada a pretensão do governo federal em extinguir (total ou parcialmente) a reserva, por meio de simples decreto e sem a prévia deliberação do Congresso Nacional. E que, por estar localizada na Floresta Amazônica, as alterações no uso dos recursos existentes na área só podem ser realizadas em forma de lei.

Para ele, a Presidência da República até pode tomar a iniciativa sobre o assunto, mas não como forma de decreto. O juiz lembra que conforme determina a Constituição Federal e 1988, as Unidades de Conservação só podem ser alteradas ou extintas “mediante audiências públicas, consultas à comunidades e órgãos técnicos e debates parlamentares”.

O magistrado em entrevista à BBC Brasil afirma que “cumpriu seu dever constitucional”, ao bater o martelo contra os dois decretos assinados por Michel Temer para a abertura da área para mineração. A decisão do Juiz Spanholo atende ação popular contra o presidente Michel Temer. “Como magistrado, eu não faço juízo de valor sobre a decisão do governo federal. Não cabe a mim. É a ordem constitucional que delimita o meu trabalho e, neste caso, a questão precisava ser enviada para o Congresso”.

Após uma série de críticas e de ações na Justiça sobre o futuro da antiga reserva na Amazônia, o presidente Michel Temer editou na segunda-feira, dia 28, um novo decreto mais detalhado. Ele revogou a primeira norma, porém manteve a decisão de extinguir a Renca e liberar a exploração mineral em parte da área. O decreto analisado pelo juiz Rolando Spanholo é justamente o que tinha sido extinto pelo governo. No entanto, por ter estendido a aplicação para qualquer decreto "sucessor", a decisão também se aplica às regras vigentes.

A Renca foi criada em 1984 e está localizada entre os estados do Amapá e do Pará e tem mais de 4 milhões de hectares, aproximadamente o tamanho da Dinamarca. A área tem potencial para exploração de ouro e outros minerais, entre os quais ferro, manganês e tântalo.

A Advocacia-Geral da União informou a BBC Brasil que vai recorrer ao Tribunal Regional Federal da 1ª região para suspender a liminar.

Papa Francisco abençoa sobreviventes da Chapecoense

Os sobreviventes da Chape, Alan Ruschel e Jakson Follmann, foram abençoados pelo Papa Francisco em audiência geral celebrada na Praça de São Pedro, no Vaticano. O pontífice abençoou também o elenco e alguns parentes das vítimas que morreram na queda do avião que deixou 71 mortos, no dia 29 de novembro de 2016, na Colômbia.

Francisco saudou aos visitantes, a quem desejou “prosperar na sabedoria que vem de Deus a fim de que possam comunicar aos outros a sua doçura e o seu amor. Desça sobre vós e suas famílias a abundância das suas bênçãos”.

A delegação do time catarinense presenteou o papa Francisco com uma bola com as cores do clube, branco e verde, e depois todos posaram para foto.O presidente da Chapecoense, Plínio David de Nês Filho,em entrevista à Rádio Vaticano, comentou sobre o apreço e a solidariedade do papa com a equipe. “É uma manifestação muito humana por parte da Sua Santidade receber a nossa agremiação, que sofreu um grave acidente e que ainda se recupera daquelas feridas. Recebemos a bênção de um papa que tem no seu coração o amor, o carinho e a dedicação para com as pessoas, um ser humano de inigualável grandeza, que recebeu um time de futebol em reconstrução. Nada mais justo de agradecermos e fazermos neste momento uma oração por todos neste dia, que é uma dádiva para todos nós.”

A Chapecoense está na capital da Itália para disputar amistoso contra a Roma, no Estádio Olímpico, no dia 1º de setembro e Alan Ruschel estará em campo. A relação entre os dois clubes ficou muito próxima depois da tragédia do ano passado, já que o Roma teria sido um dos únicos clubes do exterior a oferecer ajuda concreta ao Chape, além do Barcelona.

 
Coluna Bernadete Alves - dia 29/08/2017

Temer embarca para a China e deixa recado para brasileiros

O presidente Michel Temer transmitiu hoje o cargo de Presidente da República ao deputado Rodrigo Maia na Base Aérea de Brasília, durante embarque para a China. Michel Temer fará visita de Estado aquele país e participará da Cúpula do Brics. Em Pequim, Michel Temer se encontra com o presidente Xi Jinping e participa de seminário que reunirá líderes empresariais chineses que já investem ou têm interesse em investir no Brasil. Em seguida, Temer irá a Xiamen para 9ª Cúpula do Brics, grupo formado pelo Brasil, a Rússia, China, Índia e África do Sul.

Sobre a viagem, Temer disse que vai ampliar as relações comerciais com o país e que a melhor surpresa que a visita poderá reservar é a celebração de bons acordos. “A China poderá ser uma das grandes investidoras nos nossos projetos de concessão que anunciei na semana passada e, com isso, acelerar a criação de empregos e melhorar a renda do trabalhador brasileiro”, declarou.

Em vídeo publicado nas redes sociais, logo após embarcar para a China, o presidente Michel Temer disse que há pessoas que querem “parar o Brasil” e que “esse desejo não tem limites”. Temer afirmou ter a “força necessária para resistir”, porque o governo está fazendo as mudanças necessárias. O presidente disse ainda que nenhuma força o “desviará desse rumo”.

“Sabemos que tem gente que quer parar o Brasil e esse desejo não tem limites. Quer colocar obstáculos ao nosso trabalho, semear a desordem nas instituições, mas tenho força necessária para resistir porque o que estamos fazendo é necessário e serve apenas à sociedade brasileira”, disse. E completou “o momento pede sobriedade, responsabilidade e paciência. Nenhuma força me desviará desse rumo”.

No vídeo, o presidente registra que os brasileiros podem estar desconfiados da política “porque já sofreram muito e já amargaram grandes decepções, mas no fim, sempre torcem para dar certo”. Em tom otimista, disse que “vai dar certo. Não vamos deixar que a agenda negativa venha abater nosso ânimo”.

Com a viagem de Temer, o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, assume interinamente a presidência da República neste 29 de agosto. Temer retorna ao Brasil no dia 5 de setembro.Na manhã desta terça-feira, Rodrigo Maia foi a Base Aérea de Brasília acompanhar o embarque de Michel Temer para a China. O primeiro evento da agenda de Maia como presidente da República interino será uma reunião com o deputado Jarbas Vasconcelos, às 18h, no Palácio do Planalto. À noite, ele recebe o governador de Goiás, Marconi Perillo, para um jantar na residência oficial da Câmara dos Deputados.

Enquanto Maia estiver no Planalto, o comando da Câmara será exercido pelo segundo-vice-presidente, André Fufuca, do PP-MA, porque o primeiro-vice-presidente, Fábio Ramalho do PMDB-MG, integra a comitiva de Temer na viagem à China. André Luiz de Carvalho Ribeiro, conhecido por André Fufuca está na primeira legislatura como deputado federal e tem 28 anos.

Desconhecido por grande parte dos brasileiros, Fufuca assume a presidência da Câmara dos Deputados até o dia 06 de setembro e a sua inexperiência preocupa os demais parlamentares. Alguns líderes da Câmara avaliam que seria imprudente colocar sob os comandos do jovem deputado a votação da PEC do "distritão" para as eleições de 2018 e 2020 e do fundo eleitoral abastecido com dinheiro público para bancar as campanhas eleitorais.

Fumantes passivos diminuem em 40% no Brasil

O Ministério da Saúde divulgou hoje, durante solenidade do Dia Nacional de Combate ao Fumo, o índice de pessoas expostas à fumaça do cigarro de familiares, e a boa notícia é que o número de fumantes passivos caiu 42,5% em oito anos: de 12,7% em 2009 para 7,3% em 2016. O tabagismo passivo acontece quando pessoas que não fumam inalam fumaça expedida por fumantes.

A diminuição do número de pessoas expostas ao cigarro é uma boa notícia porque segundo o Ministério da Saúde a exposição ao tabaco pela inalação da fumaça pode causar efeitos na saúde em curto e longo prazo como dor de cabeça, irritação nos olhos e na garganta, problemas respiratórios ,tosse, vertigem e náusea, além do aumento do risco de câncer de pulmão e infarto.

Sem falar dos impactos socioambientais, danos à saúde pública, gastos por parte do governo. A lista sobre os malefícios do tabaco à sociedade parece não ter fim e a cada dia essas informações ficam mais esclarecidas no entendimento da população. Segundo os especialistas narguilé, cigarros eletrônicos e de palha são tão nocivos para a saúde quanto um cigarro comum.Todos esses artefatos como qualquer outro tipo de fumo, servem como estratégias das indústrias de tabaco para atrair os jovens ao vício.

Os dados apresentados neste 29 de agosto também revelam que nos últimos dez anos o número de usuários de derivados do tabaco diminuiu 35%, de 15,7% em 2006 para 10,2% em 2016. Os homens continuam representando a maior parte dos fumantes na população, 12,7% contra 8% das mulheres. Considerando a faixa etária, o uso é maior entre pessoas de 55 a 64 anos (13,5%) e menor entre jovens antes dos 25 anos (7,4%). Esses dados fazem parte da pesquisa de Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico (Vigitel), que foi feita por telefone com 53.210 pessoas das 26 capitais e Distrito Federal.

O Ministério da Saúde e o Instituto Nacional de Câncer (INCA) reiteraram, durante o evento, o posicionamento a favor da proibição de aditivos em cigarros, com base na ação direta de inconstitucionalidade (ADI) nº 4874, que aguarda julgamento do Supremo Tribunal Federal. Segundo a pasta, substâncias que conferem sabores mentolados e adocicados aos cigarros facilitam a experimentação, principalmente entre adolescentes.

O Dia Nacional do Combate ao Fumo,existe para lembrar sobre os malefícios causados pelo cigarro e suas variações faz parte da luta contra o vício.Para ilustrar a importância da conscientização, o Ministério da Saúde informa que ao consumir qualquer uma das possibilidades existentes no mercado ao cigarro, o indivíduo acaba introduzindo aproximadamente 4.700 substâncias tóxicas, incluindo a nicotina , que é a responsável pela dependência química.

Dizer NÃO ao fumo é dizer SIM à vida.

 
Coluna Bernadete Alves - dia 28/08/2017

Brasil conquista ouro no Futebol Feminino em Taipei

Em um jogo duro contra o Japão, a equipe feminina de futebol universitário do Brasil conquistou neste dia 28, a medalha de ouro na Universíade, com um gol aos sete minutos do segundo tempo da prorrogação. O jogo começou às 20h de Taipei (9h da manhã no horário de Brasília).

No primeiro tempo, o Japão teve grandes chances de marcar um gol, dando trabalho à goleira Maike. No segundo, o Brasil reagiu e criou mais, mas as japonesas continuaram a pressionar. Até que Diany, cabeceou um escanteio batido pela zagueira Chaiane e mandou para o fundo das redes. Os últimos minutos do segundo tempo foram complicados para as brasileiras, e o Japão pressionou na área do Brasil instantes antes de o árbitro encerrar os acréscimos. Na prorrogação, o jogo continuou muito duro, e o alívio só veio no segundo tempo.

Brasil e Japão estavam no mesmo grupo e se enfrentaram no último jogo da primeira fase, quando o Brasil venceu por 3 a 1. O confronto de hoje entre as duas equipes na Universíade de Taipei, deu novamente Brasil. O Brasil subiu mais alto no pódio nos jogos universitários de verão.

A jogadora Diany, que marcou o gol da vitória, se emocionou ao lembrar que estava na Universíade de 2015, quando o Brasil foi eliminado nas quartas de final e sonhou com o momento em que conseguiria uma medalha na competição."Eu já estava ficando cansada, e eu falei para o técnico para me dar mais três minutos, porque Deus daria força aos cansados", disse Diany,."Eu pensei em tudo o que a gente já passou no Brasil, porque no futebol feminino a gente luta para estar aqui. A gente estuda, trabalha e faz o que ama".

Maurício Moraes Salgado, técnico da equipe brasileira destacou a força de vontade das nossas jogadoras e disse que a equipe japonesa tem muita qualidade."O jogo foi exatamente o que a gente sabia que ia ser, um jogo duro. O Japão é uma equipe muito intensa", declarou. "A gente sabia que seria uma guerra no bom sentido. Foi principalmente um jogo de vitória psicológica", destacou.

As brasileiras comemoram a medalha de ouro no futebol feminino na Universíade ao lado de jogadoras japonesas e russas. A medalha conquistada foi o segundo ouro do Brasil e o décimo segundo pódio desde o início da competição.

 
Coluna Bernadete Alves - dia 27/08/2017

Parques Península Sul e Asa Delta foram entregues à população

O governador de Brasília, Rodrigo Rollemberg, entregou hoje os Parques da Asa Delta e da Península Sul, na QL 12 do Lago Sul, pós processo de desobstrução da área pública, iniciado em agosto de 2015. Rollemberg estava acompanhado da esposa Márcia Rollemberg, e de integrantes da administração pública local. A atividade faz parte das comemorações pelos 57 anos do Lago Sul. Como parte da festa, Rollemberg participou ainda do corte do bolo de aniversário do Lago Sul e plantou uma muda na orla.

Os dois parques contam com seis quilômetros de pista de quatro metros de largura, compartilhada por pedestres e ciclistas. Na ocasião, foi assinada a ordem de serviço para instalação de três decks que ligarão os dois parques. A madeira que será utilizada nas estruturas é certificada por órgãos ambientais e aprovada para esse uso. A Secretaria de Infraestrutura e Serviços Públicos vai contratar a obra por meio da Companhia Urbanizadora da Nova Capital do Brasil.

O governador Rollemberg disse que tornar livre a orla do Lago Paranoá é uma forma de garantir cidadania aos brasilienses. “Democratizar o lago é democratizar Brasília. Estamos retomando a escala bucólica proposta por Lucio Costa quando ele planejou a cidade”, defendeu

O Parque da Asa Delta recebeu 1.375 mudas de espécies do Cerrado, como ipês, quaresmeiras, cagaiteiras, entre outras. O Anfiteatro Natural do Lago Sul, localizado no parque, recebeu poda de árvores, roçagem da vegetação, limpeza, pintura de meios-fios e cercamento. Em toda a região, durante a desobstrução, foram retirados 2.373 metros de cercas e alambrados, 170 metros de grades, 15 metros de muros, 120 metros de balaústres de concreto e 40 metros de chapas metálicas.

Antes da inauguração do Parque da Asa Delta, o governador Rodrigo Rollemberg participou de um café da manhã com praticantes de kitesurf. O esporte agora é regulamentado no Distrito Federal pela Lei 5.938, de 2017, de autoria do deputado distrital Julio César (PRB).

A democratização do acesso ao Lago Paranoá representa uma mudança no modelo de convivência na cidade, de acordo com o chefe da Casa Civil, Sérgio Sampaio. “O que vemos aqui parte de uma concepção grandiosa de ocupação da cidade por sua população.” Como parte da festa, Rollemberg participou ainda do corte do bolo de aniversário do Lago Sul e plantou uma muda na orla, um compromisso de ampliar a consciência ambiental da comunidade e proporcionar mais qualidade de vida.

Filho de Schumacher pilota carro da 1ª vitória do pai

O Grande Prêmio da Bélgica deste domingo foi de pura emoção. O circuito de Spa-Francorchamps viveu um momento único onde presente, passado e futuro se encontraram. Mick Schumacher, filho do heptacampeão, guiou a Benetton B194, com a qual o pai Michael conquistou o título mundial de 1994. O público ficou impressionado com a semelhança física de Mick com o pai.

A emoção aconteceu antes da largada, o piloto Mick, que corre na F3 Europeia, homenageou o pai Michael Schumacher, pilotando na mesma pista uma réplica do carro com que seu pai conquistou o primeiro de seus títulos da categoria: GP do Brasil, GP do Pacífico, GP de San Marino, GP de Mônaco, GP do Canadá, GP da França, GP da Hungria e GP da Europa.

O piloto de 18 anos, emocionado, foi aplaudido de pé pelo público ao final da volta quando fez uma saudação aos torcedores. A homenagem de Mick ocorreu pelo 25º aniversário da primeira das 91 vitórias de Schumacher na principal categoria do automobilismo, registrada na própria pista de Spa-Francorchamps. Mick usou um capacete feito unicamente para a ocasião: um layout com metade do casco pintada com as cores do capacete de Michael e a outra metade com o desenho do próprio Mick.

Em entrevista à emissora britânica Channel 4, o jovem Schumacher afirmou que a experiência foi "ótima" e que se sentiu "espantado" com o carro. E para a BBC, o piloto de 18 anos falou sobre a emoção que sentiu no cockpit. "Foi emocional. Há muita história aqui e para meu pai."

 
Coluna Bernadete Alves - dia 26/08/2017

Filtrafit – a garrafinha que purifica a água da torneira

A grande maioria da população brasileira não tem filtro de água e bebe diretamente da torneira. A contaminação da água encanada tem sido um problema recorrente na vida dos brasileiros. Análises e estudos mostram que a água encanada em todos os países do mundo apresenta níveis indesejados de substâncias nocivas à saúde e que podem causar doenças extremamente graves quando consumidas em excesso.

Estudos mostram que até mesmo as indústrias que comercializam água mineral não são tão seguras assim. Preocupadas com o meio-ambiente, cidades como São Francisco nos Estados Unidos, já baniram a venda de água mineral em garrafas plásticas.

Foi pensando nisso que as fabricantes da Filtrafit desenvolveram uma garrafinha reutilizável com filtro embutido. O filtro é feito de carvão ativado granulado, que "agarra" as impurezas da água de dentro do recipiente. A operação é bem simples: basta encher a garrafa com água da torneira, e à medida que a água passa pelo filtro, ele remove o cloro, metais pesados e outras impurezas presentes na água. Para garantir a boa qualidade da água, os fabricantes recomendam trocar o filtro a cada 300 garrafinhas de água tomadas.

A garrafinha FiltraFit soluciona um problema de saúde pública e também de ecologia uma vez que é feita de materiais reciclados e é livre de BPA, um composto plástico muito utilizado na fabricação de garrafas mas que é prejudicial à saúde. Inclusive o BPA já foi banido na Europa e no Canadá. A Filtrafit utiliza um plástico resistente, tem um formato tipo “Squeeze” fácil de segurar e o tamanho certo para carregar na bolsa ou na mochila.

Esta novidade já está sendo vendida no Brasil. Mais informações pelo www.filtrafit.com.br.

 
Coluna Bernadete Alves - dia 25/08/2017

Nágela Maria apresenta nova coleção

A estilista Nágela Maria recebeu convidados em sua loja na 314 Sul, ao lado da filha Andréa Monteiro, também estilista, com um gostoso happy hour para apresentar as coleções de outono da marca e da multimarcas que levam o seu nome. A empresária produz moda há 25 anos e se destaca pela qualidade e beleza de suas peças.

Para definir a nova coleção Nágela Maria pesquisou materiais, combinou estampas, trabalhou com cores e texturas, buscou novos elementos para fazer suas composições e selecionou pessoal para a produção das peças. Ela desenha e cria peças com muita facilidade e o resultado é sempre surpreendente. Muito mais que o glamour existente, a sua moda aquece a economia brasiliense e garante emprego e renda para centenas de pessoas.

Além do sucesso da grife Nágela Maria, a empresária está sempre se aperfeiçoando e estes conhecimentos ela divide com os integrantes do Pólo de Moda do Guará e foi quem comandou o desfile beneficente Brasília Flor da Esperança, em prol da Abrace, na Embaixada da Polônia, com a presença do famoso estilista Maciej Zien.

A empresária da moda aproveitou o encontro na 314 Sul para agradecer e brindar os parceiros que disseram sim ao evento solidário recentemente realizado na Embaixada da Polônia. A presidente da Abrace, Ilda Peliz, agradeceu a ajuda da estilista, de Cossete Gebrin, presidente da Sociedade Amigos da Polônia e das pessoas solidarias do Distrito Federal.

Para ter sucesso no mercado da moda é preciso ser criativo, gostar do que faz e estar antenado com o que acontece no mundo da moda. Afinal, criatividade é alimentar o cérebro com novas informações. Quem trabalha com zelo e responsabilidade tem reconhecimento.

Nágela Maria e sua filha Andréa Monteiro receberam os amigos e clientes com a mesma categoria de sempre. Os eventos organizados pelas empresárias são possibilidades de se atualizar e refrescar a mente em relação a novas tendências e estilos. Andréa fez faculdade de moda na Itália e teve a oportunidade de trabalhar com o estilista brasileiro Ícarus de Menezes, que, hoje, faz parte da equipe da Diesel.

As delícias da noite ficaram por conta do Buffet da Corte e de Renata Diniz Chocolatier.

 
Coluna Bernadete Alves - dia 24/08/2017

Os benefícios dos derivados lácteos para a saúde óssea

O cálcio é considerado um mineral importantíssimo para a nossa saúde, podendo ser usado para normalizar a pressão arterial, construir e deixar mais fortes ossos e dentes, regular os ritmos cardíacos e em diversas outras ocasiões.

A falta desse mineral no nosso corpo pode causar dores e cãibras, irritabilidade, ossos fracos, cólicas menstruais, unhas fracas, perda de memória, dor na coluna, artrite crônica, dormência e formigamento nas mãos, dor de cabeça, infecções, constipações, pressão alta e ansiedade. Pode também desencadear baixa imunidade e a osteoporose.

A osteoporose é uma doença que deixa os ossos quebradiços devido à perda óssea e faz com que a pessoa afetada tenha grandes lesões, mesmo com batidas pequenas. A osteoporose também pode ser causada por outros fatores além da deficiência de cálcio, como inabilidade para absorção, pouca atividade física e deficiência de outros hormônios.

A falta de cálcio no organismo pode surgir de uma má alimentação pois é muito comum as pessoas consumirem alimentos sem saber qual é o seu real benefício e sua quantidade ideal e aí os nutrientes não são aproveitados.A falta de cálcio no organismo pode acontecer também quando o hormônio PTH não funciona corretamente (ele é o responsável por controlar os níveis de cálcio no corpo). Ainda por causa genética, menopausa ou envelhecimento. Quanto mais a idade avança, mais o corpo exige o mineral.

Para repor o cálcio perdido e manter em dia a quantidade necessária desse mineral é fundamental consumir alimentos ricos em cálcio. A redução do consumo de leite e derivados, como o iogurte, por crianças, contribui para o aumento dos problemas associados à falta de cálcio. Os derivados lácteos são fáceis de consumir em qualquer idade.

Há séculos, o valor nutricional e os benefícios à saúde advindos da ingestão de iogurtes têm sido descritos por especialistas. O iogurte é, em geral, caracterizado como produto obtido a partir da fermentação do leite por duas bactérias específicas: Lactobacillus bulgaricus e Streptococcus thermophilus. Outros produtos fermentados são a coalhada, o bulghur, o kefhir. O kefhir é diferente do iogurte que é fermentado apenas por lactobacilos, o kefhir é fermentado por trinta e sete tipos diferentes de microorganismos em sua colônia, incluindo as leveduras o que garante um alimento rico em probióticos.

O alimento é tão bom para o bem-estar que na Bíblia há relatos sobre o consumo de iogurte, em que Abraão, por indicação de um anjo, usa o iogurte para curar. Além disso, acredita-se que Noé foi pioneiro ao preparar iogurte em grande escala. Enquanto sua arca navegava sobre a inundação, seus animais produziam tanto leite que Noé não sabia o que fazer. Assim, armazenou o excedente em bolsas feitas de estômagos de animais, resultando em iogurte.

Para os armênios o leite coalhado era considerado um produto dotado de poderes mágicos. Acreditava-se que este era capaz de conferir a imortalidade aos deuses e dar força aos homens. Os exércitos romanos utilizavam o iogurte para diminuir infecções, especialmente diarreias. Por meio das expedições, guerras e relações comerciais entre diferentes povos,o consumo do iogurte rapidamente se propagou, e passou a ser produzido em várias gerações.

Inclusive foi concedido o Prêmio Nobel em 1908 ao biólogo russo Elie Metchnikoff, do Instituto Pasteur, pelos seus trabalhos direcionados à avaliação do impacto do iogurte e de seus fermentos vivos na saúde, aumentando o tempo de vida e diminuindo infecções. Hoje discute-se a sua composição nutricional adequada, a atuação sobre a formação muscular e sobre a preservação da massa óssea e a relação com o crescimento saudável.

Além disso, atua na formação de uma flora intestinal benéfica e protetora e tem importante papel na melhoria da absorção da lactose presente no leite, favorecendo a ingestão de cálcio em pessoas que não toleram muito bem a lactose. Três porções de lácteos ao dia ajudam na formação dos ossos e dentes, no crescimento e na prevenção de problemas futuros. Conforme o livro Dia a Dia com o Iogurte.

Alimentação correta, água e atividades físicas ao ar livre ajudam na prevenção de doenças. Dr. Márcio Bontempo,com mais de trinta anos de experiência no campo da Medicina Natural, Complementar e Integrativa, recomenda fazer do alimento um remédio e zelar pela saúde.

A dica é consumir frutas, legumes e verduras todos os dias para o organismo criar anticorpos suficiente para combater doenças. As atividades físicas ao ar livre ajudam o corpo adquirir força e vitalidade para poder extrair dos alimentos todas as propriedades que necessita.

Automedicação faz mal a saúde consulte seu médico para uma avaliação periódica.

 
Coluna Bernadete Alves - dia 23/08/2017

Caquexia – a magreza perigosa que pode levar ao óbito

Estudo feito por cientistas noruegueses publicado na revista Scientific Reports descobriu por meio de amostras sanguíneas de pessoas com câncer, de doadores saudáveis e de células cancerígenas de ratos, a causa da magreza excessiva de pacientes com câncer. O professor de Bioengenharia, Geir Bjorkoy, da Universidade Norueguesa de Ciência e Tecnologia, diz que substâncias que induzem à autofagia das células pode ser a causa da síndrome da anorexia-caquexia (SAC).

O pesquisador Bjorkoy diz que grande parte da coleta sanguínea continha altos níveis de interleucina 6 (IL-6) e citocinas pró-inflamatórias. Dois compostos estimulantes autofágicos que fazem com que as células do corpo se autodestruam. “Acreditamos que o excesso dessas substâncias provoca um aceleramento autofágico, causando assim a caquexia”.

O professor fala que as descobertas podem ser importantes para o tratamento de pacientes com câncer afetados pela caquexia, uma vez que existem novos medicamentos que podem bloquear a sinalização descontrolada da IL-6, nas células do corpo. O pesquisador acredita que a perda de peso excessiva pode ser reduzida por inibidores de autofagia, como a cloroquina, medicamento que tem sido usado para tratar a malária.

Para entender mais sobre esta síndrome, segundo o INCA o câncer é o conjunto de mais de 100 doenças que têm em comum o crescimento desordenado de células, que invadem tecidos e órgãos. Estas células, bastante agressivas, dividem-se rapidamente e formam tumores malignos, que podem se instalar e se espalhar para várias regiões do corpo.Segundo o Instituto Nacional do Câncer parte das mortes em consequência do câncer não são causadas diretamente pelos tumores e, sim, por um desdobramento da temida doença: a caquexia, que caracteriza-se por um intenso consumo dos tecidos muscular e adiposo, com consequente perda involuntária de peso, além de anemia, astenia (fraqueza), fadiga e perda de performance clínica.

A pouco conhecida síndrome da anorexia-caquexia (SAC), é uma complicação frequente no paciente com neoplasia maligna em estado avançado. De acordo com pesquisas da divisão nutricional da farmacêutica Abbott Brasil, um em cada cinco pacientes morre devido à caquexia. O mesmo estudo ainda revela que a perda de peso induzida pelo câncer é evidente em até 87% dos pacientes, dependendo do tipo de tumor. É mais frequente em idosos, crianças e em pessoas os tumores gastrointestinais, tumores de vias biliares e de cabeça e pescoço.

Para amenizar a doença, é importante o acompanhamento de nutricionistas porque o tratamento da SAC é multifatorial, envolvendo o uso de medicamentos estimulantes de apetites, reposição nutricional com suplementos, reposição hormonal e acompanhamento psicológico. O profissional de nutrição vai avaliar as condições do paciente e definir a dieta que pode auxiliar na resposta imunológica e também na preservação da musculatura.

A Caquexia é uma síndrome de definhamento severo que é visto clinicamente não só em câncer como em uma variedade de doenças, incluindo a insuficiência cardíaca congestiva (ICC), artrite reumatóide, e síndrome da imunodeficiência adquirida (AIDS). A caquexia é causada por balanço negativo de energia e nitrogênio, que resulta em perda de peso. Esta perda de peso, entretanto, é muito diferente daquela vista em simples privação de alimentos, que é composta principalmente pela perda de tecido adiposo, enquanto o tecido magro fica relativamente disponível.

Rollemberg apresenta proposta que muda regime de previdência para novos servidores públicos

O governador de Brasília, Rodrigo Rollemberg, entregou hoje nas mãos do presidente da Câmara Legislativa do Distrito Federal, deputado Joe Valle, projeto de lei complementar que institui uma previdência complementar para novos servidores públicos do Distrito Federal. O chefe do Executivo local pediu o apoio dos parlamentares para que a proposta seja votada o mais rápido possível.

“Quero pedir o apoio da Câmara Legislativa. Em todos os momentos que o governo precisou dos deputados eles não se furtaram”, disse Rollemberg em plenário. “Proponho que a Câmara se debruce sobre ele amanhã, sexta, sábado, domingo, segunda e o vote na terça para garantir o salário [dos servirores] e a tranquilidade da economia do DF”, declarou o governador.

A proposta também cria um regime de previdência complementar para novos servidores e limita as aposentadorias dos futuros funcionários públicos ao teto do INSS que é de R$ 5.531,31. Quem quiser receber acima deste valor terá que contribuir com a previdência complementar.

Atualmente, o Distrito Federal conta com dois fundos previdenciários para arcar com aposentadorias. O texto do PLC solicita permissão para que o Executivo possa unificar os dois fundos previdenciários do DF: o financeiro e o capitalizado.

“É como se estivéssemos atravessando um deserto com pessoas morrendo de sede e encontrássemos uma caixa de água cheia, mas não pudéssemos beber”, disse Rollemberg, ao fazer relação sobre dois fundos, em pronunciamento na Câmara Legislativa.

A medida, segundo o chefe do Executivo local, será suficiente para evitar o parcelamento do salário dos servidores, uma vez que o governo deixará de retirar do Tesouro local R$ 170 milhões mensais para bancar a previdência.

O governador Rodrigo Rollemberg acredita que a possibilidade de usar os recursos disponíveis nos dois fundos para pagar os aposentados, independentemente da data de ingresso no serviço público, reduzirá aos poucos o rombo na previdência. Do mesmo modo, crê que suavizará os gastos da Fonte 100 do Tesouro local, usada para pagar salários do funcionalismo da ativa e promover melhorias na cidade.

A justificativa da proposta é que as contribuições dos mais novos garantam a aposentadoria dos mais velhos. “Um dos princípios da previdência é a solidariedade”, declarou o governador.

O presidente da Câmara Legislativa, deputado Joe Valle, disse que mesmo que o projeto tenha urgência é necessário fazer uma série de estudos técnicos e se for o caso trabalhá-lo ainda mais na Câmara. ”Amanhã, vamos nos reunir com sindicatos para falar do projeto. É uma proposta de interesse de todos, mas ainda vamos discutir”, declarou o presidente da Casa.

Pelo texto do Projeto de Lei Complementar, destacamos: A previdência complementar será de adesão facultativa. O funcionário público poderá optar por contribuir para uma previdência privada, caso achar mais vantajoso; Quem acumula cargos poderá fazer a adesão à previdência complementar em relação a um ou ambos os cargos; Os participantes poderão desistir da adesão à previdência complementar ou solicitar a suspensão de contribuição por período não superior a um ano; A adesão à previdência complementar é interrompida por pedido do participante, por exoneração, demissão ou perda de cargo ou por vacância em razão de posse em outro cargo público inacumulável; Servidores cedidos a outros órgãos permanecem na previdência complementar salvo manifestação em contrário; Toda nova lei do DF que criar fontes de receitas não tributárias, incluindo aquelas que autorizarem a venda de ativos e concessões de bens e serviços públicos, deverá destinar, pelo menos, 50% das receitas futuras geradas ao Fundo Financeiro da Previdência Social, para ajudar a resolver o desequilíbrio econômico e atuarial do fundo. O projeto obriga o governo de Brasília a apresentar em 180 dias a contar da entrada em vigor da lei, estudo que indique a viabilidade de venda de ativos com liquidez e os valores aptos a auxiliarem no equacionamento do desequilíbrio financeiro remanescente.

 
Coluna Bernadete Alves - dia 22/08/2017

Festival de Comédia Brasileira faz sucesso nos EUA

O humorista Leandro Hassum comandou a primeira edição do Festival de Comédia Brasileira nos EUA, nos dias 12, 18 e 19, em Miami, Boston e Orlando, respectivamente, ao lado do humorista Paulinho Serra e de três brasileiros que moram no solo americano. O Festival foi idealizado pela Bis Entertainmennot, produtora pioneira em levar grandes espetáculos brasileiros para os Estados Unidos.Segunda a produtora Priscila Triska, o humor nos EUA sempre foi referência para a maioria dos comediantes brasileiros.

Os talentos selecionados do stand-up residentes no país que também adotou como casa, o humorista Leandro Hassum são: Fábio Souza Lima, paulista que vive há 2 anos em Palm Harbor, Flórida; André Luiz Ferreira, o mineiro que cativou os americanos com o personagem “Sô Zé”, o caipira mais conhecido da América e Mateus Rodrigues Pereira, o maranhense que vive há 2 anos em Marlborough, Massachusetts, integraram o time de humoristas do primeiro Festival Anual de Comédia Brasileira nos EUA.

A primeira edição do Festival Hassum dedicou ao humorista Paulo Silvino, que morreu no dia 17. “Perdi um amigo, conselheiro, parceiro de camarim e um ícone do humor”, comentou em seu Instagram. Em Miami, os humoristas receberam o carinho do lutador Antonio Carlos “Cara de Sapato” Júnior. Em Orlando, o camarim foi mais disputado. Hassum e Paulinho Serra receberam abraços carinhosos de amigos famosos. “Passei mal de tanto rir”, comentou a atriz Nivea Stelmann, que entrevistou os atores pelo canal CBTV, para o qual ela trabalha desde que foi morar em Orlando. O piloto Rubinho Barrichello, acompanhado da esposa Silvana Giaffone Barrichello, também prestigiou a primeira edição do Festival, assim como os atores Luigi Barricelli e Jorge Pontual. “A noite foi divertidíssima”, comentou Rubinho nas redes sociais.

Hassum acredita que é mais difícil levar às gargalhadas um brasileiro do que um americano e por isso o Festival de Comédia Brasileira nos Estados Unidos foi um sucesso. O humorista fala que é muito mais difícil fazer o brasileiro rir, porque o brasileiro é naturalmente bem-humorado e cheio de piadas. E que o desafio de uma apresentação é o mesmo em qualquer país: “a gente nunca sabe o que esperar. Quando entro em cena é que descubro o que o público quer: humor mais escrachado ou mais inteligente. Por isso é preciso ter versatilidade para agradar à plateia”, comenta Hassum.

Fazer piada sobre a política nacional para brasileiros que não moram mais no Brasil não foi dificil para Hassan. “No meu show e nos shows a que gosto de assistir, as piadas são populares. As piadas atingem todo mundo, não importa a distância. Se falo de família ou coisas do cotidiano, trato de situações que acontecem com todo mundo”.

Para quem está iniciando na profissão e deseja participar de festivais as dicas de Hassan são: tente trabalhar um humor popular, uma coisa mais generalizada, uma coisa de cotidiano, histórias que não sejam setorizadas, pois isso faz com que o humorista atinja um público maior.

Leandro Hassan está morando em Orlando desde o final de 2016. “Me divido entre Brasil e EUA porque tenho muito trabalho no Brasil e não pretendo abandoná-los. Escolhi Orlando para morar com a minha família por vários motivos, por segurança, por qualidade de vida, por possibilidades maiores de estudo para a minha filha, possibilidade de trabalho no ramo da minha mulher, que é administradora e designer de moda. Cada vez mais, a gente está se unindo. Aqui nos EUA, a gente achou um lugar para estar junto. Estou feliz”, declara o comediante Leandro Hassum. Fotos de Renata Miranda e Leo Mayrinkos.

 
<< Início < Anterior 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Próximo > Fim >>

Página 9 de 225
RocketTheme Joomla Templates